Poesia erótica

30
Jan 10

Saliva noturna
Oportuna
Tropeira lã negra
Alaga a galope
Só lido sólido
Égua brava, acalma a tapa
Crina crua crema o creme
Mata-me agora, por favor...

 

publicado por Contos do Fritz às 23:26

Mato, mato sim.
Fera Felina a 31 de Janeiro de 2010 às 18:02

Uau! Assassina a nossa sede nessa sina assassina... Crina crua crema o creme!
Contos do Fritz a 31 de Janeiro de 2010 às 18:12

Começa mansamente e vai ganhando ritmo de trote :)) Delicioso poema.
Malva Mauvais a 3 de Fevereiro de 2010 às 03:01

Que bom que gostou! Espero que gosto dos outros também. Vlw pelo comentário.
Contos do Fritz a 3 de Fevereiro de 2010 às 10:27

Este texto bonito. escrever é uma terapia natural que nos ajuda não só para lançar luz sobre os problemas, mas também para superar
allungare il pene a 17 de Março de 2010 às 15:18

Vlw pelo comentário! abrçs
Contos do Fritz a 18 de Março de 2010 às 15:08

Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29

31


Follow DoctorFritz on Twitter
clique e ouça as poesias

pesquise
 
leia os blogs

compre os livros